Submissão de propostas exclusivamente via sistema SAGe

A solicitação de Bolsa Regulares do País pode ser feita em qualquer época do ano e, no caso desta modalidade, deve ser apresentada exclusivamente por meio do Sistema de Apoio a Gestão (SAGe), da FAPESP, no endereço www.fapesp.br/sage.

É importante preencher o formulário de submissão com atenção, para evitar erros que podem causar a devolução, sem habilitação, da proposta de Bolsa.

Em caso de devolução, não há necessidade de refazer toda a proposta devolvida, mas o trabalho de ressubmissão frequentemente pode ser evitado.

Os erros de preenchimento dos formulários eletrônicos são fáceis de serem evitados se os manuais a seguir forem consultados no próprio SAGe no link Manuais:

  • Submissão de Proposta de Bolsa Regular no País
  • Cadastramento de Usuário
  • Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa

Os erros mais frequentes (esses são apenas os mais frequentes – a lista de documentos requeridos e as instruções completas estão no Manual de Bolsa, acessível pelos links nesta página) que podem impedir a habilitação de uma solicitação são:

a) Vínculo Institucional do processo e assinatura no documento Manifestação do Dirigente da Instituição onde se realizará o projeto.

No campo a ser preenchido no SAGe: “Vínculo Institucional do Processo” deve ser inserida a Instituição onde será desenvolvido o projeto.

O documento “Manifestação do Dirigente da Instituição onde será desenvolvido o projeto” também deve ser assinado pelo Dirigente da instituição na qual será desenvolvido o projeto. O pesquisador (orientador) deve ter vínculo formal com a Instituição onde será desenvolvido o Projeto (veja item d).

A FAPESP só aceita proposta assinada por dirigente com autoridade institucional adequada para garantir o apoio institucional para o desenvolvimento do projeto. Tal formalidade é essencial para que, caso venha a ser necessário, a FAPESP possa exigir da Instituição o cumprimento do apoio institucional comprometido para o desenvolvimento do projeto. Alguns exemplos de dirigentes cujo referendo é aceito pela FAPESP estão na tabela abaixo. Para outros casos utilize o serviço Converse com a FAPESP.

Tabela 1. Dirigentes institucionais que a FAPESP aceita para assinatura da “MANIFESTAÇÃO DO DIRIGENTE DA INSTITUIÇÃO NA QUAL SE REALIZARÁ O PROJETO” em propostas de bolsas e auxílios.

Instituição na qual o Projeto será desenvolvido

Dirigente aceito pela FAPESP

Faculdades ou Institutos na USP, Unicamp ou Unesp

Diretor da Faculdade ou Instituto

Centro de Universidades Federais

Diretor do Centro

Universidades Federais que não possuam Centros

Reitor ou delegação de competência emitida pelo Reitor para outro dirigente

Institutos de Pesquisa Estaduais

Diretor do Instituto

Universidades Privadas que possuam Faculdades ou Institutos

Diretor da Faculdade ou Instituto

Universidades Privadas que não possuam Faculdades ou Institutos

Reitor ou delegação de competência emitida pelo Reitor para outro dirigente

Outros casos

Por meio do serviço Converse com a FAPESP

b) Documentos ilegíveis. Antes de enviar a proposta verifique a qualidade do documento inserido após a conversão realizada pelo sistema SAGe.

c) Erros associados ao histórico escolar:

i) Histórico escolar incompleto, não contendo nomes das disciplinas por extenso, sem eventuais reprovações ou trancamentos de matrícula.

ii) Histórico escolar desatualizado. O HE não atualizado é considerado incompleto pela FAPESP.

iii) Histórico escolar sem o carimbo e a assinatura ou sem o código de autenticidade da Entidade.

iv) Histórico escolar sem os critérios de aprovação (nota mínima) ou, alternativamente, sem a declaração da universidade informando quais são os critérios.

v) Histórico escolar ilegível. Antes de enviar a proposta verifique a qualidade do HE inserido após a conversão realizada pelo sistema SAGe.

d) Falta de informação sobre o vínculo institucional do Orientador/Supervisor. O orientador deve ter vínculo formal com instituição de pesquisa no Estado de São Paulo. O vínculo institucional deve ser inserido na ficha de Cadastro do Orientador/Supervisor. Quando o vínculo não for empregatício ele deverá estar credenciado pela Instituição para desenvolver atividades de pesquisa e ter um vínculo formal com a instituição que a FAPESP considere suficiente para a eventual concessão de uma bolsa sob sua responsabilidade. Neste caso será necessário anexar cópia do documento que formaliza a vinculação do pesquisador responsável à Instituição. Esta cópia pode ser anexada em “Outros documentos” na aba “Documentos” do SAGe.

e) O Candidato ou o Orientador/Supervisor não confirmam a submissão da proposta: cada proposta precisa estar confirmada pelo candidato à Bolsa e por seu Orientador/Supervisor. Esta confirmação é o que atesta para a FAPESP que o Orientador/Supervisor e o Candidato se conhecem, estão de acordo quanto ao projeto submetido e que o candidato seja aceito para orientação/supervisão pelo Orientador/Supervisor.

f) Débitos com a FAPESP. Não são habilitadas Propostas de Candidatos ou Pesquisadores Responsáveis com débito na FAPESP há mais de 60 dias:

i. Débito na prestação de contas.
ii. Débito na entrega de Relatório Científico.
iii. Débito na emissão de Parecer Científico.

g) Solicitação de Reconsideração submetida como nova proposta inicial. A FAPESP garante ao solicitante, mediante apresentação de solicitação de reconsideração da decisão inicial, direito a uma nova análise de sua proposta. A “nova analise de sua proposta” não significa submissão de uma nova proposta inicial e sim a reapresentação da proposta original, reformulada ou não, analisando criticamente e cientificamente os comentários da assessoria quanto à denegação. Instruções sobre a submissão de propostas de reconsideração estão disponíveis em www.fapesp.br/reconsideracao.

h) Súmula curricular.

Esclarecimento de dúvidas

Eventuais dúvidas poderão ser sanadas pelo serviço de atendimento Converse com a FAPESP (www.fapesp.br/converse > Informações > SAGe > Dúvidas sobre cadastramento, submissão, contratos e outros assuntos) ou pelo telefone (11) 3838-4000 – opção 1, entre 8h e 17h, de segunda à sexta.