Manual impresso em 13/12/2018 às 22:19:48

Página original: http://www.fapesp.br/339

Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamentos

Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamentos

 

1 Finalidade

Destina-se a custear o conserto de natureza corretiva em equipamento relevante para a execução de projeto de pesquisa apoiado pela FAPESP no Estado de São Paulo.

Essa modalidade não apoia:

a) manutenção preventiva (pois é considerada pela FAPESP como responsabilidade da instituição-sede à qual o equipamento é doado); e

b) troca de equipamentos com upgrade (por não se tratar de reparo).

1.1 Tipos de Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamentos

Dependendo da vinculação a projetos de pesquisa apoiados pela FAPESP, caracterizam-se dois tipos de solicitação nesta modalidade:

a) Auxílio à Pesquisa – Reparo de Equipamentos – Tipo I: solicitação para reparo de equipamento que beneficia Auxílio à Pesquisa vigente e passível de aditivo para suplementação de recursos.

b) Auxílio à Pesquisa – Reparo de Equipamentos – Tipo II: solicitação para reparo de equipamento que beneficia Auxílio à Pesquisa FAPESP não passível de aditivo para suplementação de recursos.

2 Solicitação

Em qualquer época do ano.

3 Análise

A análise da solicitação, seja do Tipo I ou Tipo II, é feita exclusivamente no âmbito das coordenações de área e adjunta, sem que haja necessidade de envio para assessoria externa.

4 Requisitos do pesquisador proponente

a) Ter título de doutor ou qualificação equivalente;

b) Ter vínculo empregatício com instituição de pesquisa do Estado de São Paulo.

1) A FAPESP poderá aceitar, em determinadas condições, vínculos que não sejam empregatícios, mas comprovem solidez na dedicação acadêmica à Instituição de Pesquisa do Estado de São Paulo. Nesses casos, antes da submissão da proposta, deve ser apresentada consulta à Diretoria Científica da FAPESP, pelo canal “Converse com a FAPESP” informando: 

i) a natureza do vínculo institucional;

ii) quantidade de horas semanais de dedicação à pesquisa implicadas no vínculo;

iii) a fonte de recursos para o pagamento;

iv) duração do referido vínculo.

v) Professores aposentados, com vínculo com a USP, UNICAMP e UNESP, devem apresentar documento comprobatório do tipo de vínculo. 

5 Forma de submissão

5.1 Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamentos; Tipo I

Quando o pesquisador possui Auxílio à Pesquisa nas seguintes modalidades: Auxílio à Pesquisa – Regular, Auxílio à Pesquisa – Jovem Pesquisador em Centros Emergentes, Auxílio à Pesquisa – Temático, CEPID, Auxílio à Pesquisa – Pesquisa em Políticas Públicas, Auxílio à Pesquisa – Pesquisa Inovadora em Pequenas Empresas (PIPE), vigente na FAPESP, as solicitações devem ser encaminhadas na forma de solicitação de suplementação de recursos no auxílio ao qual se vincula, mencionando o número do processo. Se o equipamento for de uso comum a vários projetos financiados pela FAPESP, eles deverão estar listados na justificativa, com os respectivos resumos e números de processo.

O Tipo I não se aplica à modalidade PITE e a projetos vinculados a convênios, pois não preveem aditivos para suplementação de recursos. Nesses casos, deve ser feita opção pelo Tipo II.

Devem ser apresentados os seguintes documentos:

a) Resumo de cada um dos projetos de pesquisa apoiados pela FAPESP que se beneficiarão com o conserto para o qual se solicita financiamento, mencionando o número do processo FAPESP, o nome do Pesquisador Responsável e o Título do projeto de pesquisa. 

b) Justificativa sobre a necessidade do equipamento a ser reparado para beneficiar o andamento dos Auxílios à Pesquisa apoiados pela FAPESP que embasam a solicitação.

c) Laudo técnico referente ao conserto corretivo com a proforma ou orçamento.

5.1.1 Como apresentar a solicitação do Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamento; Tipo I

A solicitação deve ser feita como uma Solicitação de Mudança (SM) do tipo Alteração de Orçamento quando o processo a que se vincula tramita no sistema SAGe e via solicitação de Alteração da Concessão para processos que tramitam em papel.

5.2 Auxílio à Pesquisa - Reparo de Equipamentos; Tipo II

Quando o pesquisador não possui Auxílio à Pesquisa vigente na FAPESP que seja passível de aditivo de Termo de Outorga para suplementação de recursos, as solicitações devem ser submetidas exclusivamente pelo Sistema SAGe, no endereço www.fapesp.br/sage, como proposta de Auxílio à Pesquisa – Reparo de Equipamento. As propostas somente serão autuadas se contiverem todos os documentos pertinentes a essa modalidade: 

a) Informação sobre o equipamento a ser consertado incluindo:

1) Marca, modelo, características relevantes;

2) Custo e fonte de recursos para sua aquisição;

3) Data de aquisição.

b) Laudo técnico referente ao conserto corretivo com a proforma ou orçamento;

c) Resumo de cada um dos projetos de pesquisa apoiados pela FAPESP que se beneficiarão com o conserto, mencionando o número do processo FAPESP, o nome do Pesquisador Responsável e o Título do projeto de pesquisa;

d) Justificativa sobre a necessidade do equipamento a ser reparado para beneficiar o andamento dos Auxílios à Pesquisa apoiados pela FAPESP que embasam a solicitação;

e) Súmula Curricular do pesquisador proponente;

f) Manifestação do Dirigente da Instituição, apoiando a solicitação e assumindo compromissos institucionais para sua implementação.

6 Relatórios Científicos

Não há.

7 Reserva Técnica

Não há.

8 Prestação de contas

Conforme Termo de Outorga. Segue as regras do auxílio à pesquisa. (Clique aqui para ler o Manual de Prestação de Contas.)

 


Deliberação nº 01/2017 do CTA

Altera as normas vigentes na FAPESP referentes ao vínculo com Instituição de Pesquisa no Estado de São Paulo para Pesquisador Responsável e para Orientador/Supervisor.

Carlos Américo Pacheco, Presidente do Conselho Técnico-Administrativo da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – FAPESP, com base nas decisões do CTA, em reuniões realizadas em 10/09/2014, 06/12/2016 e 07/02/2017, baixa a seguinte resolução:

Artigo 1º - No que concerne à vinculação do Pesquisador com Instituição de Pesquisa no Estado de São Paulo considera-se requisito para Pesquisador Responsável:

1) Ter vínculo empregatício com Instituição de Pesquisa no Estado de São Paulo;

1.1) A FAPESP poderá aceitar, em determinadas condições, vínculos que não sejam empregatícios, mas comprovem solidez na dedicação acadêmica à Instituição de Pesquisa do Estado de São Paulo;

1.2) Nesses casos, antes da submissão da proposta, deve ser apresentada consulta à Diretoria Científica, pelo canal “Converse com a FAPESP”, informando:

1.2.1) a natureza institucional do vínculo;

1.2.2) o número de horas semanais de dedicação à pesquisa implicadas no vínculo;

1.2.3) a fonte de recursos para pagamento;

1.2.4) duração do referido vínculo;

1.3) Professores Aposentados com vínculo com a USP, UNICAMP e UNESP devem apresentar documento comprobatório do vínculo.

Artigo 2º - No que concerne à vinculação do Pesquisador com Instituição de Pesquisa no Estado de São Paulo considera-se requisito para Orientador/Supervisor:

2) Ter vínculo empregatício com Instituição de Pesquisa no Estado de São Paulo;

2.1) A FAPESP poderá aceitar, em determinadas condições, vínculos que não sejam empregatícios, mas comprovem solidez na dedicação acadêmica à Instituição de Pesquisa do Estado de São Paulo;

2.2) Nesses casos, antes da submissão da proposta, deve ser apresentada consulta à Diretoria Científica, pelo canal “Converse com a FAPESP” informando:

2.2.1) A natureza do vínculo institucional;

2.2.2) Quantidade de horas semanais de dedicação à pesquisa implicadas no vínculo;

2.2.3) A fonte dos recursos para pagamento;

2.2.4) Duração do referido vínculo;

2.3) Professores aposentados, com vínculo com a USP, UNICAMP e UNESP, devem apresentar documento comprobatório do tipo de vínculo.

Artigo 3º - Os presentes requisitos deverão ser incluídos nas normas para Auxílio, Programas da FAPESP e Bolsas Acadêmicas, e devidamente divulgados na página da FAPESP, juntamente com os demais já existentes.

Artigo 4º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário.

 

São Paulo, 09 de fevereiro de 2017

Carlos Américo Pacheco
Diretor Presidente do CTA
 


Dúvidas mais frequentes (FAQs) | Auxílios

1- Quais as modalidades regulares de Auxílio oferecidas pela FAPESP?

2- Como posso conseguir um Auxílio à Pesquisa Regular?

3- Como posso conseguir um Auxílio à Publicação?

4- Como posso conseguir um Auxílio para participação em Reunião Científica e/ou Tecnológica?

5- Como posso conseguir um Auxílio para trazer um Pesquisador Visitante?

6- Como posso conseguir um Auxílio para organizar uma Reunião Científica e/ou Tecnológica?

7- Qual o período de inscrição para obter um Auxílio à Pesquisa Regular?

8- Como posso encaminhar minha solicitação de Auxílio à FAPESP?

9- Tive uma solicitação de Auxílio denegada. Como posso recorrer da decisão? Há um prazo para fazer isto?

10- Como são feitas as análises das solicitações de Auxílios regulares?

11- Como elaborar uma Solicitação de Mudança (SM) do tipo Alteração de Orçamento no SAGe?

12-Meu endereço no SAGe está desatualizado, como faço para atualizá-lo?