Relatórios

Bolsas solicitadas com duração entre 18 e 24 meses (inclusive): deverá ser apresentado um Relatório Científico final, no dia 10 do mês seguinte ao encerramento da bolsa. Caso seja solicitada uma prorrogação além do prazo inicialmente concedido, o relatório deverá ser apresentado 6 meses antes da data de término da bolsa.

Bolsas concedidas com duração menor do que 18 meses: Será exigido um Relatório Científico Final, no dia 10 do mês seguinte ao encerramento da bolsa. Caso seja solicitada uma prorrogação além do prazo inicialmente concedido, o relatório deverá ser apresentado 2 meses antes da data de término da bolsa.

Os bolsistas devem apresentar relatórios de acompanhamento que devem ser revistos e comentados pelo orientador, acompanhado do formulário de encaminhamento de relatório. Os relatórios são enviados pela FAPESP à sua assessoria para análise e recomendações. 

ATENÇÃO: Processos submetidos pelo sistema SAGE devem ter seus relatórios científicos encaminhados eletronicamente, conforme descrito no manual Submissão de RC que pode ser consultado no próprio SAGe no link Manuais.

No caso de não ser apresentado um relatório no prazo estipulado ou do mesmo não ser aprovado pela assessoria, a bolsa é suspensa até sua apresentação ou reformulação satisfatória, a juízo da assessoria. Essa situação implica a impossibilidade de assinatura de novos termos de outorga de auxílios e bolsas, bem como o bloqueio de saldos eventualmente existentes em outros processos.

Persistindo esta inadimplência e decorridos três meses da data fixada para essa apresentação ou reformulação, a bolsa é cancelada retroativamente, a partir da data de sua suspensão.

Caso haja necessidade de prorrogação da vigência da bolsa, a solicitação deverá ser enviada à FAPESP somente junto com o Relatório Científico final. A concessão ou não da prorrogação dependerá de decisão da assessoria científica desta Fundação. 

ATENÇÃO: A não observância do prazo de antecipação do relatório para solicitação de prorrogação da bolsa poderá acarretar a descontinuidade no pagamento da mesma, caso ela venha a ser renovada.