English

Projetos Apoiados

Ecocardiógrafo

Sistema de Ultra-som VeVo 2100 (120v) Visualsonics Inc. ref. VS 11945 e acessórios
EMU: SEPSIS E CHOQUE SEPTICO: ALTERACOES FUNCIONAIS E MORFOLOGICAS DO CORACAO. ESTUDO EXPERIMENTAL EM CAMUNDONGOS
  • Helio Cesar Salgado
  • Processo FAPESP 2009/54010-1
  • Faculdade de Medicina
  • USP
  • Ribeirão Preto
http://www.fmrp.usp.br/emu



Projetos associados

  • Regulação cardiocirculatória em condições fisiológicas e fisiopatológicas
    Helio Cesar Salgado
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Efeito da reposição estrogênica sobre as adaptações morfométricas e autonômicas cardiovasculares decorrentes do treinamento aeróbio e resistido em ratas submetidas ao bloqueio ...
    Hugo Celso Dutra de Souza
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Desenvolvimento de instrumentação e de algoritmos de processamento de dados para a produção de imagens ciontilogràficas de pequenos animais com resolução espacial e temporal.
    Jorge Mejia Cabeza
    FAMERP – FACULDADE DE MEDICINA DE SAO JOSE DO RIO PRETO
  • Sépsis e choque séptico : alterações funcionais e morfológicas do coração . Estudo experimental em camundongos
    Marcos Antonio Rossi
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Caracterização da elastase-2 como uma enzima formadora de angiotensina II
    Maria Cristina de Oliveira Salgado
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO

Projetos complementares

  • Mecanismos envolvidos na falência da migração de neutrófilos para o foco infeccioso na vigência da sepse grave.
    Fernando de Queiroz Cunha
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Estudo experimental comparativo dos efeitos da deficiência estrogênica precoce e fisiológica sobre o controle cardiovascular - Papel da reposição hormonal e do treinamento aeróbio
    Hugo Celso Dutra de Souza
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia
    Joao Santana da Silva
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Identificação de marcadores moleculares para formas clínicas da doença de chagas
    Joao Santana da Silva
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Papel de PD-1 (programmed cell death receptor 1) na infecção experimental por Trypanosoma cruzi
    Joao Santana da Silva
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • possíveis efeitos benéficos da inibição de metaloproteinases da matrix extracelular (MMPs) como coadjuvante de inotrópicos durante embolia pulmonar aguda
    José Eduardo Tanus dos Santos
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Efeitos Vasculares do doador de oxido nitrico [RU(TERPY)(BDQ)NO+]3+] em ratos hipertensos renais
    Lusiane Maria Bendhack
    USP – FACULDADE DE CIENCIAS FARMACEUTICAS DE RIBEIRAO PRETO
  • O papel do complexo de glicoproteínas associadas a distrofina na patogênese da cardiomiopatia dilatada induzida pelo isoproterenol
    Mara Rúbia Nunes Celes
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • O possível papel do complexo de glicoproteínas associadas a distrofina na morte súbita na tripanossomíase americana experimental
    Marcos Antonio Rossi
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • caracterização de modelo experimental de cardiomiopatia chagásica crônica em ratos: estudo sequencial da função ventricular esquerda , da perfusão e da inervação simpática miocárdicas
    Marcus Vinicius Simões
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Produção de MMP-2 recombinante
    Raquel Fernanda Gerlach
    USP – FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE RIBEIRAO PRETO
  • Influência do L-N6 (-1-Iminoethyl) lysine hydrochloride no desenvolvimento e progressão de aneurismas na aorta abdominal em ratos wistar
    Simone Gusmão Ramos
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
  • Interferência da Doxiciclina na participação das metaloproteinases 2 e 9 no desenvolvimento de aneurismas na aorta abdominal
    Simone Gusmão Ramos
    USP – FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRAO PRETO
R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 São Paulo/SP - Brasil
Tel: (+55) 11 3838-4000 Fax: (+55) 3645-2421