Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada a Mudanças Climáticas (GCCRC)

A FAPESP e a Embrapa são parceiras no Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada a Mudanças Climáticas (The Genomics for Climate Change Research Center – GCCRC), com sede na Unicamp e formalmente constituído em 13 de dezembro de 2017, em evento na sede da FAPESP.

O Centro tem como missão gerar ativos biotecnológicos que aumentem a resistência de plantas à seca e ao calor e transferir tecnologias ao setor produtivo. Utilizando estratégias de genômica e genética e ferramentas como engenharia genética e edição de genomas e estudos de microbiomas, o GCCRC vai criar e gerir pipelines de melhoramento genético e de biotecnologia agrícola para a geração de plantas transgênicas, geneticamente editadas, entre outras atividades.

Irá, ainda, desenvolver competência em regulação e patentes para garantir a conformidade de sua operação às regras de biossegurança e às leis de acesso à biodiversidade. 

O Centro é legado da Unidade Mista de Pesquisa em Genômica Aplicada às Mudanças Climáticas, uma iniciativa conjunta de pesquisa implementada pela Embrapa e Unicamp, iniciada em 2012.