Bolsa de PD em Ecologia da Conservação

Post-doctoral Felowship in Conservation Ecology

Nº: 2560

Área de conhecimento: Interdisciplinar

Field of knowledge: interdisciplinary

Nº do processo FAPESP: 2018/50038-8

FAPESP process: 2018/50038-8

Título do projeto: Rumo à Conservação do Convívio: Governando as Interações Humano-Fauna no Antropoceno

Project title: Towards Convivial Conservation: Governing Human-Wildlife Interactions in the Anthropocene

Área de atuação: Interdisciplinar

Working area: Interdisciplinary

Quantidade de vagas: 1

Number of places: 1

Início: 01/02/2019

Start: 2019-02-01

Pesquisador principal: Dra. Katia Maria P. Micchi de Barros Ferraz

Principal investigator: Dra. Katia Maria P. Micchi de Barros Ferraz

Unidade/Instituição: ESALQ/USP

Unit/Instituition: ESALQ/USP

Data limite para inscrições: 05/01/2019

Deadline for submissions: 2019-01-05

Publicado em: 06/12/2018

Publishing date: 2018-12-06

Localização: Avenida Pádua Dias, 11, Piracicaba

Locale: Avenida Pádua Dias, 11, Piracicaba

E-mail para inscrições: katia.ferraz@usp.br

E-mail for proposal submission: katia.ferraz@usp.br

  • Resumo Summary

    O Laboratório de Ecologia, Manejo e Conservação de Fauna Silvestre (LEMAC) do Departamento de Ciências Florestais, ESALQ/USP, procura um candidato para uma bolsa de pós-doutoramento no projeto de pesquisa recentemente aprovado intitulado Towards Convivial Conservation: Governing Human-Wildlife Interactions in the Anthropocene (CON-VIVA, 2018-2021). Candidatos com um histórico importante em ciências sociais (antropologia, geografia, sociologia, ciências políticas, dimensões humanas etc.) serão considerados, especialmente candidatos peritos nas áreas do meio ambiente e desenvolvimento, ecologia política, gestão de recursos naturais e conservação. Suas responsabilidades incluem realizar pesquisas sobre (desafios para as) perspectivas e possibilidades da conservação do convívio (internacionalmente ao estudar eventos e atores de conservação em nível global e comparativamente através do estudo dos quatro casos dentro do projeto), auxiliar na coordenação e gerência do projeto CON-VIVA, ocasionalmente dar aulas a níveis de graduação e pós-graduação e participar em atividades de gestão. Para mais informações sobre o projeto CON-VIVA, visite: www.convivialconservation.com.

    Nós requeremos:

    Como um pós-doc no projeto CON-VIVA você tem que:

    - Um PhD ou doutor em Ciências em antropologia, sociologia, geografia, ciências políticas, ecologia política, biologia ou um campo relacionado;
    - Habilidade confirmada de publicar em jornais acadêmicos altamente qualificados e com brilhantes profissionais acadêmicos;
    - Capacidade de trabalhar com equipes de pesquisa interdisciplinares e internacionais;
    - Excelente habilidade em comunicação e escrita, assim como habilidades de coordenação do projeto e gerência. Fluência em português é desejada;
    - Boas qualidades didáticas e entusiasmo na hora de ensinar e trabalhar com os estudantes;
    - Familiaridade com o estudo da Mata Atlântica é uma vantagem;
    - Familiaridade com os métodos das ciências sociais.

    Nós oferecemos:

    Oferecemos a chance de participar em uma emocionante rede internacional de pesquisadores profissionais no campo e a possibilidade de participar em conferências e reuniões sobre o projeto. A bolsa de estudos (R$ 7.373,10) será paga pela FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; http://www.fapesp.br) por 36 meses. O candidato selecionado deve morar na mesma cidade da Instituição (Piracicaba-SP, Brasil) e aceitar as condições da associação de pós-doutorado da FAPESP (http://www.fapesp.br/bolsas/pd).

    Inscrições:

    Para se candidatar a essa posição, por favor escreva uma carta de inscrição para katia.ferraz@usp.br, indicando sua aptidão para o cargo e apresentando algumas ideias sobre a direção que você gostaria de tomar na posição de pós-doutor, e como isso contribuiria para os temas e objetivos do projeto CON-VIVA. Além da carta por favor inclua seu Curriculum Vitae e uma amostra de sua produção escrita (um trabalho publicado ou capítulo de sua dissertação).

    A seleção seguirá as normas da FAPESP (http://www.fapesp.br/5389).

    Informação de contato: Informação adicional sobre a vaga pode ser conseguida com: Dra. Kátia Ferraz (katia.ferraz@usp.br ou +55 19 3447 6693)

    Prazo da inscrição: 5 de janeiro de 2019, 23:59. Por favor note que entrevistas serão feitas na segunda ou terceira semana de janeiro de 2019.

    Universidade de São Paulo, Escola Superior de Agronomia Luiz de Queiroz (ESALQ/USP)

    A Escola Superior de Agronomia Luiz de Queiroz (ESALQ) está localizada no Campus “Luiz de Queiroz”, na cidade de Piracicaba e é atualmente considerada um centro de excelência para programas de graduação e pós-graduação na área de agricultura, ciências do meio ambiente, biológicas e ciências sociais aplicadas, reconhecida por sua excepcional performance científica e técnica. Sua comunidade acadêmica é composta de 800 professores e funcionários juntamente com 3.400 alunos de graduação e pós-graduação. Sua área total é de 3.825,4 hectares o que corresponde a 50% da área total da Universidade de São Paulo. A ESALQ oferece 7 programas de graduação e 15 programas de pós-graduação (um internacional), em adição a um interinstitucional e dois programas interunidades, nos seus 12 departamentos e mais de 130 laboratórios. Também abriga uma biblioteca de referência em ciências agrárias para a América Latina, 4 estações experimentais, além de uma incubadora de empresas. ESALQ já formou mais de 15.000 alunos. É a primeira escola de ensino superior do Brasil a formar mais de 11.000 alunos em Engenharia Agrônoma. A ESALQ é parte da cena internacional devido a acordos com instituições estrangeiras, mandando e recebendo professores e alunos, e oferecendo duplos programas de doutorado em agronomia e ciência da comida com instituições francesas.

    Laboratório de Ecologia, Manejo e Conservação (LEMaC), Departamento de Ciências Florestais na ESALQ/USP

    O Laboratório de Ecologia, Manejo e Conservação de Fauna Silvestre (LEMaC) é coordenado pela Dra. Katia Ferraz, no Departamento de Ciências Florestais, ESALQ. A equipe LEMaC é formada por mais de 20 membros (graduandos, pós-graduandos, pós-doutorandos e estagiários) trabalhando em projetos interdisciplinares relacionados à ecologia aplicada (mamíferos e aves), dimensões humanas e planejamento para a conservação. O pós-doutor será parte do LEMaC tendo a oportunidade para se integrar e colaborar com alunos e projetos. 

    Para mais informações sobre o trabalhar na ESALQ/USP, visite: http://www.en.esalq.usp.br.

    The Wildlife Ecology, Management and Conservation Lab (LEMaC) at Forest Science, ESALQ/USP seeks a candidate for a postdoc position on the recently awarded project Towards Convivial Conservation: Governing Human-Wildlife Interactions in the Anthropocene (CON-VIVA, 2018-2021). Candidates with a background in relevant social sciences (anthropology, geography, sociology, political science, human dimension etc.) will be considered, especially candidates with expertise in the broad areas of environment and development, political ecology, natural resources management and conservation. Your responsibilities include performing research on the (challenges to the) prospects and possibilities of convivial conservation (internationally by studying global conservation events and actors and comparatively across the four cases within the project), assisting in the coordination and management of the CON-VIVA project, occasional teaching at undergraduate and graduate levels, and participating in management activities. For more information on the CON-VIVA project, see: www.convivialconservation.com.

    We ask

    As post-doc on the CON-VIVA project you have:

    • A PhD in anthropology, sociology, geography, political science, political ecology, biology or a related field;
    • Proven ability to publish in high-quality academic journals and with top academic publishers;
    • Ability to work in interdisciplinary and international research teams;
    • Excellent communication and writing skills as well as project coordination and management skills. Portuguese fluency is desired;
    • Good didactic qualities and enthusiasm for teaching and working with students;
    • Familiarity with the case-study context of the Mata Atlântica is an advantage;
    • Familiarity with social science methods.

    We offer

    We offer the chance to participate in an exciting international network of top researchers in the field and the ability to participate in conferences and project meetings. The scholarship (R$ 7,373.10) will be paid by FAPESP (São Paulo Research Foundation; http://www.fapesp.br/en/) for 36 months. Selected candidate should live at the same city of the Institution (Piracicaba, São Paulo, Brasil) and accept FAPESP Post-Doctoral fellowship (http://www.fapesp.br/en/postdoc) conditions.

    To apply

    To apply for this position, please submit an application letter to katia.ferraz@usp.br, indicating your suitability for the position and some first ideas about the direction you would want to take in the post-doc position, and how this would contribute to the goals and themes of the CON-VIVA project. Besides the letter, please include your Curriculum Vitae and one writing sample (a published paper or a chapter of your dissertation).

    The selection will follow the FAPESP norms (http://www.fapesp.br/en/5100).

    Contact info: Additional information about the vacancy can be obtained from: Prof. Dra. Katia Ferraz (katia.ferraz@usp.br or +55 19 3447 6693)

    Deadline for application: 5th January 2019, 23:59. Please note that interviews will be held during the second or third week of January 2019.

    University of São Paulo, Luiz de Queiroz College of Agriculture (ESALQ/USP)

    Luiz de Queiroz College of Agriculture (ESALQ) is located at the Luiz de Queiroz Campus in the city of Piracicaba and is currently considered a Center of Excellence for Undergraduate and Graduate programs in Agricultural, Environmental, Biological and Applied Social Sciences, acknowledged for its outstanding scientific and technical performance. Its academic community is comprised of 800 faculty and staff members along with nearly 3,400 undergraduate and graduate students. Its total area (3,825.4 hectares) corresponds to 50% of the total area of University of São Paulo. ESALQ offers 7 undergraduate programs and 15 graduate programs (one international), in addition to one inter-institutional and two inter-unit programs, in its 12 departments and more than 130 laboratories. It houses a reference library in Agricultural Sciences in Latin America, 4 experimental stations, as well as an enterprise incubator. ESALQ has graduated 15,000 students. It is the first Brazilian higher education institution to graduate more than 11,000 Agricultural Engineering. ESALQ is a part of the international scene due to agreements with foreign institutions, exchanging students and faculty members, and offering double degree programs in Agriculture and in Food Science with French institutions.

    Wildlife Ecology, Management and Conservation Lab, Forest Science Departament at ESALQ/USP

    The Wildlife Ecology, Management and Conservation Lab (LEMaC) is coordinated by Dr. Katia Ferraz, at Forest Science Department, ESALQ. LEMaC team is formed by more than 20 members (graduate and undergraduate students, postdocs and trainees) working on interdisciplinary projects related to applied ecology (mammals and birds), human dimensions and conservation planning. The post-doc will be part of LEMaC having the opportunity to integrate and collaborate with other students and projects. 

    For further information about working at ESALQ/USP, take a look at http://www.en.esalq.usp.br/