English version

José de Souza Martins

José de Souza Martins

José de Souza Martins, conselheiro da FAPESP

Professor emérito e professor titular de sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, instituição na qual obteve o bacharelado, a licenciatura, o mestrado, o doutorado e a livre docência. Na Universidade de Cambridge (Inglaterra), foi pesquisador visitante do Centro de Estudos Latino-americanos (1976) e, em 1993-94, professor titular da Cátedra Simón Bolivar e fellow de Trinity Hall. Foi professor visitante da Universidade da Flórida (Estados Unidos), em 1983, e do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (Portugal), em 2000.

Membro do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephat) no biênio 1998-2000.

Membro da Junta de Curadores do Fundo Voluntário das Nações Unidas contra as Formas Contemporâneas de Escravidão, em Genebra, de 1995 a 2007. Membro e coordenador da Comissão Especial do Ministério da Justiça que preparou o Plano Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo (2001 a 2002) e assessor especial pro-bono do Presidente da República, Professor Fernando Henrique Cardoso, para problemas do trabalho infantil e do trabalho escravo, designado de 13 de maio até 31 de dezembro de 2002.

Membro do Editorial Advisory Board de The Journal of Peasant Studies (Londres, Inglaterra), de 2000 a 2008. Redator-correspondente da revista La Somme et le Reste (Études Lefebvriennes), Paris-França a partir de abril de 2002.

É autor, dentre outros livros, de O Cativeiro da Terra (1979), A chegada do estranho (1993), O poder do atraso (1994),Fronteira - A degradação do Outro nos confins do humano (1997), Exclusão social e a nova desigualdade (1997),A sociabilidade do homem simples (2000), A sociedade vista do abismo (2002), O sujeito oculto (2003),A Aparição do Demônio na Fábrica (2008). Sociologia da Fotografia e da Imagem (2008), José de Souza Martins [Fotografia] (2008), A Política do Brasil Lúmpen e Místico (2011), Uma Arqueologia da Memória Social (2011), A Sociologia como Aventura (2013).

Dentre as distinções recebidas estão o Prêmio Érico Vannucci Mendes (1993), do CNPq, o Prêmio Jabuti (1993, 1994 e 2002), da Câmara Brasileira do Livro, o Prêmio a Pesquisador/2002, do Fundo Bunka de Pesquisa-Banco Sumitomo Mitsui/Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa (2002), e o Prêmio Florestan Fernandes (2007), da Sociedade Brasileira de Sociologia. Recebeu o título de Professor Honoris Causa da Universidade Federal de Viçosa (2013) e o título de Doutor Honoris Causa da Universidade Federal da Paraíba (2013).