Chamada para Centros em Inteligência Artificial recebe propostas até 20 de julho

Chamada para Centros em Inteligência Artificial recebe propostas até 20 de julho

CGI/MCTIC e FAPESP passam a aceitar mais de uma proposta por instituição sede. Serão selecionados até quatro centros (imagem: Geralt / Pixabay)

Propostas para o edital de criação de Centros de Pesquisas Aplicadas (CPA) em Inteligência Artificial serão recebidas até 20 de julho de 2020. A chamada foi lançada pela FAPESP em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e com o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br).

Serão selecionados até quatro centros para o desenvolvimento de pesquisas científicas, tecnológicas e de inovação, aplicadas e orientadas à resolução de problemas com inteligência artificial. Buscam-se propostas que tratem de pesquisa avançada em inteligência artificial aplicadas nas áreas temáticas de Saúde, Agricultura, Indústria e Cidades Inteligentes.

A iniciativa faz parte do programa FAPESP de Centros de Pesquisa em Engenharia/Centros de Pesquisa Aplicada, que oferece apoio para a criação em universidades ou institutos de pesquisa de centros de pesquisa em parceria com empresas.

Os centros a serem escolhidos deverão realizar pesquisas básicas e aplicadas competitivas internacionalmente em inteligência artificial buscando produzir conhecimento que possa contribuir para gerar riquezas para o Brasil, melhorar a qualidade de vida dos brasileiros e garantir os direitos fundamentais dos indivíduos.

O CGI/MCTIC e a FAPESP decidiram excluir a limitação prevista no edital segundo a qual poderia ser submetida apenas uma proposta por instituição sede. Essa alteração possibilitará que pesquisadores vinculados a diferentes unidades de uma mesma instituição submetam propostas na chamada, garantindo igualdade de condições entre instituições e grupos de pesquisa e um processo competitivo para a escolha das melhores propostas.

O orçamento solicitado para cada CPA pode solicitar no máximo R$ 1 milhão por ano para a FAPESP, devendo apresentar o compromisso de mais R$ 1 milhão da empresa parceira. A FAPESP reservará um total de até R$ 40 milhões para a implementação da primeira fase deste programa. Posteriormente, será feita uma nova chamada de propostas para a seleção de até mais quatro centros.

A chamada de propostas está publicada em: www.fapesp.br/13896.

Versão para impressão | URL: fapesp.br/14338