FAPESP - Fundo Newton - British Council Institutional Links: Programa de Biodiversidade na América Latina

Nota: em 24/05/2018 a FAPESP alterou o critério de elegibilidade, permitindo a submissão de propostas bilaterais (com parceiros do Reino Unido e São Paulo), além de propostas trilaterais que incluam pesquisadores dos países da América Latina (Argentina, Chile, México ou Peru). O prazo para submissão de propostas foi alterado para 28 de junho de 2018.


Chamada de propostas para pesquisadores do Estado de São Paulo

Sumário:

Modalidade de fomento:

Auxílio à Pesquisa - Regular

Prazo de sumissão:

28 de junho de 2018, 17:00

Contatos:
FAPESP: Carolina Costa - chamada-il-latam@fapesp.br
British Council: Olivia Panhoca -
Olivia.Panhoca@britishcouncil.org.br / newton@britishcouncil.org.br
www.britishcouncil.org/education/science/current-opportunities/latam-institutional-links-2018 

 


Informações Importantes aos Proponentes

Pesquisadores do Estado de São Paulo interessados em submeter propostas nesta chamada devem necessariamente consultar a FAPESP sobre sua elegibilidade antes de iniciarem a elaboração do projeto conjunto. Na FAPESP, as submissões de propostas deverão seguir as normas e orientações, incluindo aquelas relacionadas a elegibilidade na modalidade Auxílio à Pesquisa – Regular (www.fapesp.br/apr). A duração dos projetos deve ser de até 24 meses e excepcionalmente nesta chamada podem ser financiados com até R$235.000,00.



1. Introdução

A FAPESP assinou, em 23 de abril de 2015, um Acordo de Cooperação Científica com o British Council como “delivery partner” para o Fundo Newton no Brasil, visando a implementação da cooperação científica e tecnológica entre pesquisadores britânicos e do Estado de São Paulo. O Fundo Newton é uma iniciativa britânica que visa promover o desenvolvimento social e econômico dos países parceiros, por meio de pesquisa, ciência e da tecnologia.

No âmbito desta parceria várias chamadas de propostas foram lançadas (www.fapesp.br/9551) e algumas dezenas de projetos aprovados e financiados conjuntamente.

Um dos programas lançados pelo Fundo Newton é o Programa de Biodiversidade na América Latina, que busca, através de pesquisas colaborativas multinacionais, oferecer um conhecimento regional sobre o papel da biodiversidade e do funcionamento dos ecossistemas, informando a gestão de meio ambiente para o desenvolvimento sustentável e levando em consideração necessidades ambientais, econômicas e sociais.

A primeira fase deste programa foi liderada pelo British Council e incluiu auxílios de mobilidade e capacitação entre países da América Latina, o Estado de São Paulo e o Reino Unido, construindo as bases para uma colaboração robusta.

A segunda fase é a oportunidade lançada nesta chamada de propostas, através de projetos de pesquisa e expedições que documentarão biodiversidade e seus laços com a sociedade nos seguintes países participantes da chamada: Argentina, Brasil, Chile, México e Peru. No Brasil, somente pesquisadores de instituições de ensino e pesquisa do Estado de São Paulo são elegíveis para participar.

O programa busca desenvolvimento de expedições em propostas trilaterais entre pesquisadores de instituições do Estado de São Paulo, dos Jardins Botânicos Reais de Kew ou Edinburgo (Reino Unido) e da Argentina, Chile, México ou Peru.

Propostas nesta fase do programa não são restritas a projetos aprovados na fase 1.

Esta oportunidade é aberta aos pesquisadores vinculados a Instituições de Ensino Superior ou Pesquisa do Estado de São Paulo, que deverão seguir as orientações do Newton Fund Institutional Links – Biodiversidade na América Latina (disponíveis em: www.fapesp.br/en/11661) e também as orientações descritas a seguir.

2. Temas do conhecimento cobertos nesta chamada

A FAPESP receberá propostas nos seguintes temas:

1) Compreender a relação entre espécies e habitats;

2) Mudanças climáticas, biodiversidade e ecossistema;

3) Manter e restaurar o capital natural.

3. Modalidade de fomento

Na FAPESP, as propostas tramitarão segundo as normas e orientações da modalidade Auxílio à Pesquisa – Regular (www.fapesp.br/apr).

Excepcionalmente no âmbito dessa oportunidade, propostas de Auxílio Pesquisa Regular FAPESP poderão ser financiadas por um período de até 24 meses, sendo estipulado um orçamento máximo de até R$235 mil por projeto. Ainda em caráter de excepcionalidade, o projeto pode incorrer custos de viagens das expedições de bolsistas FAPESP de doutorado ou pós-doutorado cujos orientadores fazem parte da equipe de pesquisa. 

Proponentes cujos projetos tenham sido selecionados no âmbito desta Chamada de Propostas podem, se houver interesse, solicitar posteriormente uma Bolsa de Estágio de Pesquisa no Exterior – BEPE – para bolsistas que sejam membros da equipe do projeto possam executar parte de sua pesquisa nas instituições dos países parceiros.

4. Elegibilidade para submissão de propostas

4.1 Consulta de elegibilidade

a. É obrigatório para os pesquisadores no Estado de São Paulo consultar a FAPESP sobre sua elegibilidade para esta chamada. Para evitar perda de trabalho os pesquisadores do Estado de São Paulo devem, antes de iniciar a preparação das propostas, consultar a FAPESP a fim de obterem uma Carta de Elegibilidade que deve, obrigatoriamente, ser enviada junto com a submissão da proposta.

b. Propostas sem a Carta de Elegibilidade não serão recebidas pela FAPESP.

c. Consultas de elegibilidade serão respondidas em um prazo de até 20 dias a contar da data de recebimento do e-mail. Por favor atente para a data limite de submissão das propostas qualificadas para análise.

d. As consultas de elegibilidade devem ser enviadas exclusivamente para o e-mail: chamada-il-latam@fapesp.br, contendo as seguintes informações:

d.1 Súmula Curricular do Pesquisador Responsável do Estado de São Paulo (conforme descrito em www.fapesp.br/sumula);

d.2. Informação sobre projetos aprovados na FAPESP que estejam em andamento;

d.3 Nome e Instituição de vínculo dos pesquisadores parceiros do Reino Unido e demais países da América Latina, se for o caso;

d.4 Título da proposta a ser submetida;

d.5 Orçamento previsto a ser solicitado para a FAPESP;

d.6 Tempo estimado de dedicação ao projeto pelo Pesquisador do Estado de SP (horas/semana).

5 Procedimentos para preparação e submissão de propostas

5.1 Instruções sobre a preparação das propostas de pesquisa

a. Além das diretrizes dispostas na Chamada Newton Fund - Institutional Links Biodiversity in Latin America (www.fapesp.br/en/11661), as propostas em parceria com pesquisadores do Estado de São Paulo deverão seguir as normas e orientações desta Fundação para submissão de propostas na modalidade Auxílio à Pesquisa – Regular (www.fapesp.br/apr);

b. Cada proposta deverá ter obrigatoriamente um Pesquisador Responsável no Estado de São Paulo e um do Reino Unido, e preferencialmente também um Pesquisador Responsável de instituição da Argentina, Chile, México ou Peru.

c. O projeto de pesquisa, que é parte integrante da proposta, deverá ser concebido e escrito em conjunto pelos proponentes de todos os países envolvidos;

d. O projeto de pesquisa deve ser escrito em língua inglesa;

e. A proposta deve incluir a fundamentação técnica do tema escolhido, construindo argumentos sobre a importância e necessidade da pesquisa e expedição científicas, e explicando de que forma os pesquisadores participantes têm as qualificações próprias para organizar e liderar as propostas de pesquisa e expedições.

f. Os proponentes devem ser pesquisadores seniores, ou seja, que consigam demonstrar a relevância de seu trabalho em seu campo de conhecimento e experiência e experiência com expedições e trabalho em campo. Serão consideradas evidências de relevância: títulos, publicações, colaborações internacionais, orientação e/ou supervisão. Devem incluir na proposta também qualquer interação anterior que os pesquisadores e/ou suas instituições tenham tido entre si.

g. Os proponentes deverão seguir o cronograma da “Chamada Newton Fund - Institutional Links Biodiversity in Latin America” (www.britishcouncil.org/education/science/current-opportunities/latam-institutional-links-2018). A data limite para submissão de propostas é 21 de junho de 2018;

h. A proposta deve conter:

h.1 Projeto de pesquisa, conforme descrito no item 5.1 acima;

h.2 Planilha de orçamento FAPESP;

h.3 todos os documentos listados no item 8 da descrição da modalidade de pesquisa, disponível em: www.fapesp.br/apr#4777;

i. Cada proposta deverá ser submetida à FAPESP e também ao British Council (item 10 – Submission process, em (www.britishcouncil.org/education/science/current-opportunities/latam-institutional-links-2018) pelos pesquisadores responsáveis no Estado de São Paulo e no Reino Unido, respectivamente;

j. demais documentos solicitados pelas instituições financiadoras parceiras.

5.2 Exceções à norma FAPESP para Auxílio à Pesquisa – Regular

a. Em adição às normas da FAPESP para Auxílio à Pesquisa – Programa de Pesquisa em Políticas Públicas e, excepcionalmente para esta Chamada de Propostas, aplicam-se as normas a seguir:

a.1. Propostas de Auxílio Pesquisa Regular FAPESP poderão ser financiadas por um período de até 24 meses, sendo estipulado um orçamento máximo de até R$235 mil por projeto;

a.2. O projeto pode incorrer custos de viagens das expedições de bolsistas FAPESP de doutorado ou pós-doutorado cujos orientadores fazem parte da equipe de pesquisa.

5.3 Submissão

a. A apresentação das propostas para a FAPESP será realizada através de formulários eletrônicos disponíveis no Sistema de Apoio à Gestão (SAGe) da FAPESP, no endereço www.fapesp.br/sage.

b. Propostas apresentadas por quaisquer outros meios não serão aceitas.

c. Nenhuma proposta será aceita após a data limite para a submissão nem qualquer adendo ou explicação a não ser aqueles explicitamente e formalmente solicitados pela FAPESP ou pelo British Council – Newton Fund.

d. As propostas que não estejam em conformidade com os termos das presentes orientações, não serão qualificadas para análise.

e. A FAPESP irá financiar até 4 propostas nesta Chamada de Propostas.

f. Nenhuma proposta será aceita após a data limite para a submissão, nem qualquer adendo ou explicação a não ser aqueles explicitamente e formalmente solicitados pela FAPESP ou pelo Newton Fund.

g. As propostas que não estejam em conformidade com os termos das presentes orientações, não serão qualificadas para análise.

6. Propriedade Intelectual

6.1 Em caso de aprovação, um Termo de Compromisso (“Letter of Agreement”) deverá ser firmado entre a Instituição de vínculo do pesquisador do Reino Unido, a Instituição de vínculo do Pesquisador do Estado de São Paulo e a Instituição de vínculo do parceiro da Argentina, Chile, México ou Peru, no qual os direitos de propriedade intelectual, de confidencialidade e de publicações serão tratados em conjunto, respeitando as políticas de Propriedade Intelectual de cada agência financiadora. Espera-se que os custos relativos à gestão de propriedade intelectual sejam acordados entre as instituições de pesquisa antes do início da mesma. A apresentação deste documento (“Letter of Agreement”) é obrigatória antes da assinatura do Termo de Outorga nos casos de financiamento pela FAPESP.

7. Financiamento

7.1 Os proponentes não precisam solicitar valores iguais a ambas as agências. A diferença em valores deve refletir os itens cobertos por cada agência e preços locais. É esperado que as propostas apresentem uma parceria balanceada, não especificamente em termos monetários, mas com comprometimento equivalente em esforço de pesquisa proveniente de cada uma das duas ou três agências.

8. Contato

Dúvidas relacionadas a esta oportunidade devem ser encaminhadas para Carolina Costa, Assessora Técnica da Diretoria Científica: chamada-il-latam@fapesp.br.