FAPESP e Canadá ampliam cooperação em pesquisa

FAPESP e Canadá ampliam cooperação em pesquisa

Embaixador Riccardo Savone e José Goldemberg discutem oportunidades de ampliar a colaboração entre pesquisadores no Canadá e no Estado de São Paulo (esq. p/dir.: Lafer, Bergeron-Laliberté, Savone, Goldemberg e Mesquita / foto: Felipe Maeda Camargo / FAPESP)

Em visita à FAPESP em 14 de setembro, o embaixador do Canadá no Brasil, Riccardo Savone, analisou com José Goldemberg, presidente da FAPESP, oportunidades de ampliar a interação e a colaboração científica entre pesquisadores no Canadá e no Estado de São Paulo.

A mais recente iniciativa para estimular essa cooperação é o São Paulo-Canada Cooperation in Industrial Research and Innovation Projects, memorando de entendimento entre a FAPESP e o National Research Council of Canada (NRC).

Essa cooperação divulgou em 5 de setembro uma chamada de propostas para seleção e apoio a até dez projetos de pesquisa e desenvolvimento desenvolvidos em conjunto por pequenas empresas sediadas no Canadá e em São Paulo. Pela FAPESP, o apoio a propostas selecionadas será feito segundo as normas do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE).

A FAPESP mantém atualmente outros 16 acordos de cooperação em pesquisa com cinco agências de fomento e 17 universidades e institutos de pesquisa no Canadá.

Durante a reunião, Savone entregou ao presidente da FAPESP a medalha Nobres Parcerias, que alude ao 150º aniversário do Canadá. Em nome do governo canadense, 50 medalhas serão oferecidas a instituições parcerias do Canadá, no Brasil.

Na pauta também foi discutida a criação em São Paulo de um Centro de Pesquisa em Engenharia (CPE) para desenvolver pesquisa de classe internacional, transferência de tecnologia e formação de pesquisadores por até 10 anos em tema de interesse comum aos dois países. Entre as áreas e temas cogitados estão bioprodutos, agricultura, engenharia aeronáutica e novas tecnologias para serviços financeiros.

Também participaram da reunião Celso Lafer, ex-presidente da FAPESP, Anouk Bergeron-Laliberté, chefe do Programa Comercial do Consulado do Canadá em São Paulo, e Euclides Mesquita, coordenador adjunto de Programas Especiais e Colaborações em Pesquisa da FAPESP.